Serviços de Receptivo


O que trazer?

Documento (RG/ID/Passaporte), ticket do passeio, camiseta leve e tênis. Roupa de banho e toalhas para as cachoeiras de Figueiredo. Capa da chuva, óculos de selva, protetor solar e repelente. Dinheiro em espécie para pagamento de bebidas ou souvenir.

Nota: Todos os veículos (terrestres ou fluviais) estão de acordo com todas as normas legais.

Para solicitação de serviços e reservas use: Planeje sua viagem.

Descrição

Saindo do Porto de Manaus iremos subir o Rio Negro em direção à plataforma flutuante de interação com os botos. Em seguida, seguimos viagem com destino à comunidade indígena para participar de um ritual de apresentação. Logo após vamos descer o Rio passando pela orla da cidade em direção ao Parque Ecológico do Janauary para visitar o Lago das vitórias-régias. No local será servido um almoço regional em restaurante flutuante (cardápio à base de peixe, carne ou frango, saladas acompanhamentos / self-service). Após o almoço, o passeio segue em direção à comunidade de casas flutuantes do Catalão e logo após iremos vislumbrar o fenômeno do Encontro das Águas.

Recomendação: Levar dinheiro trocado para o caso de compras de artesanato e consumo no bar. Roupas leves, toalha, roupa de banho, chapéu, óculos de sol, protetor solar e repelente de insetos.

ATENÇÃO: Os botos são animais sensíveis e quando em contato com determinados produtos, tem seus olhos e olfato agredidos. Dessa forma esses produtos devem ser evitados antes da interação: Protetor solar, repelente creme ou óleo bronzeador.
No período da vazante (Setembro a Dezembro) a visita às vitórias-régias é suspensa, sendo substituída por uma caminhada na selva vislumbrando algumas espécies de plantas da Amazônia.

Passeios Regulares

Nos passeios regulares passaremos a recolher os viajantes em qualquer hotel urbano de Manaus, para dar inicio ao passeio no local de embarque, que é o Tropical Hotel.
Guias nos idiomas português/inglês para os passeios regulares.

Teatro Amazonas

CITY TOUR (Terrestre c/ mínimo 02 pessoas)

Duração: Aproximadamente 3 horas.
8:15h - Apresentar-se na Loja da Agencia com o bilhete de embarque.
8:30h - Embarque em ônibus ou van.
Frequência: Terça, quarta, quinta, sexta e sábado. Exceto feriados, quando os pontos turísticos se encontram fechados.

Saída do Tropical Hotel percorrendo os 18 km da Estrada da Ponta Negra até o Porto de Manaus, localizado no centro de Manaus. Em seguida, breve parada em frente ao Palácio Rio Negro, sede oficial do Governo do Estado e belo exemplo de arquitetura do período áureo da borracha. Visita ao Museu do Índio, da Congregação Salesiana, melhor lugar para compreender as tradições, usos e costumes das populações indígenas. Depois segue com visita externa ao Palácio da Justiça do Amazonas e finalizando com visita interna ao Teatro Amazonas, inaugurado em 1896, um dos principais pontos turísticos de Manaus. Símbolo da época da borracha onde toda riqueza e grandiosidade ainda nos são transmitidas através de seus corredores, salões e obras de arte. Retorno ao Tropical Hotel com previsão de chegada às 12:00h (dependendo do trânsito).

Museu Seringal

MUSEU DO SERINGAL (Fluvial c/ mínimo 04 pessoas)

Duração: Das 8:30h as 13:00h.
8:30h - Apresentar-se na Loja da Agencia com o bilhete de embarque.
9:00h - Saída da embarcação do Porto do Tropical Hotel.
Frequência: Sexta, sábado e domingo.

Saída do Píer do Tropical Hotel chegando à Vila Paraíso, cidade cenográfica do longa metragem "A Selva". O roteiro começa no trapiche, local onde ocorria o embarque e desembarque da borracha, seguindo para o Casarão do Seringalista que reflete bem a riqueza dos seringais quando a borracha estava no auge de sua valorização econômica. O passeio prossegue no Barracão de Aviamento, Capela e na Casa de Farinha que mostra o processo artesanal da fabricação da farinha de mandioca. Seguindo a trilha no meio da mata conheceremos a árvore da seringueira e o processo de coleta do látex. Visita ao Tapiri de Defumação da Borracha, onde eram confeccionadas as bolas de látex ou "pélas" e à modesta Casa do Seringueiro completando o roteiro que retrata a vida e os costumes dos antigos seringais da Amazônia. No retorno ao Tropical Hotel faremos uma breve parada na praia com possibilidade de banho. Previsão de chegada às 13:00h (dependendo do tipo de embarcação).

Sobrevivência na selva

TOUR NOÇÕES DE SOBREVIVÊNCIA NA SELVA (Fluvial c/ mínimo 02 pessoas)

Duração: Das 08:30h as 13:00h.
8:30h - Apresentar-se na Loja da Agencia com o bilhete de embarque.
9:00h - Saída da embarcação do Porto do Tropical Hotel
Frequência: Segunda, quarta e sexta.

Saída do Píer do Hotel Tropical, com destino a Vila do Tupé. Recepção e breve explanação sobre o tour. Seguimos para caminhada na selva de aproximadamente 2 horas. Durante a caminhada instrução de: Construção de pequenas armadilhas e sobre como reconhecer plantas medicinais e frutíferas. Visita a vila indígena conhecendo suas tradições e modo de vida. Retorno ao barco para navegação de volta ao Píer do Tropical Hotel com previsão de chegada às 13:00h (dependendo do tipo de embarcação).

Pacotes incluindo: transporte (Hotel->Figueiredo->Hotel), almoço (exceto bebidas) e excursões de acordo com o programa (com tickets de entrada nas cachoeiras).
* As excursões podem sofrer alterações de acordo com as condições climáticas, mas nunca com prejuízo para o passageiro.
Recomendamos: Beber água mineral; trazer roupas leves e confortáveis (bermuda, camiseta, toalha e roupa de banho), calçados para as caminhadas, repelente, protetor solar, capa de chuva; vacinas de febre amarela e tétano.

Saída do Tropical Hotel às 08:30h (encontro no Lobby do Tropical às 8:20h e dos hotéis no centro da cidade a partir das 7:30h) com destino a cidade de Presidente Figueiredo, distante 107 Km de Manaus, onde visitaremos corredeiras e cachoeiras, assentadas em rochas areníticas, possuindo um dos maiores arranjos de queda d'água, onde a floresta e cachoeira conjugam harmonia da natureza viva e exuberante pelo encontro da fauna e flora. Almoço em restaurante local. Retorno ao Tropical Hotel ou hotel no centro da cidade.
* A troca na ordem de visitação as cachoeiras é possível e rotineiro.

Presidente Figueiredo, o cenário da Aventura e do Turismo de Natureza, abre as portas para você. Criado em 1981 o município recebeu seu nome em homenagem ao primeiro Presidente da Província do Amazonas, João Batista de Figueiredo Terreiro Aranha (1798-1861). Localizado a 107 km ao norte de Manaus, com acesso pela BR 174, o Município vive da extração de vários minérios, da agropecuária e do turismo. Na segunda quinzena do mês de maio a cidade realiza a Festa do Cupuaçu, fruta da qual é o maior produtor no Amazonas.

Sua área compreende reservas ecológicas, reservas indígena (Waimiri Atroari), sítio de mineração, usina hidroelétrica de Balbina (distante 70 km de Figueiredo), cavernas, grutas, lagos, rios, igaparés e muitas cachoeiras e corredeiras.

Saiba mais sobre a cidade - Presidente Figueiredo